Obras sem data

Rochegrosse, Georges Antoine

1859-1938
Ele nasceu em Versalhes e estudou em Paris com Jules Joseph Lefebvre e Gustave Clarence Rodolphe Boulanger. Seus temas são geralmente históricos e os tratou em uma escala colossal e com um estilo emocional naturalista, se deleitando com detalhes. Ele fez sua estréia no Salão de Paris 1882 com Vitellis traîné dans les rues de Rome par la populace (Vitélio arrastado pelas ruas de Roma pelo povo) (1882; Sens). Depois com Andromaque (1882-83; Musée des Beaux-Arts de Rouen), que ganhou nesse ano o prestigiado Prix du Salon. Seguiu-se La Jacquerie (1885; untraced), Le mort de Babylone (A queda de Babilônia) (1891; untraced), A morte do imperador Geta (1899; Musée de Picardie, Amiens), e embaixadores Bárbaro no Tribunal de Justiniano (1907), todos os quais exemplificam sua forte e espirituosa, mas sensacional e muitas vezes brutal pintura. Em um outro estilo bastante colorido é seu Le Chevalier aux Fleurs (O Cavaleiro das Flores) (1894; Musée d\'Orsay, Paris, RF 898). Ele foi eleito um oficial da Legião de Honra em 1892 e recebeu a medalha de honra em 1906. Rochegrosse também ilustrou vários livros. Alguns dos desenhos destas ilustrações são do Departamento de gravuras e desenhos no Museu Britânico, em Londres. Ele viveu seus últimos anos na Argélia, mas retornou a Paris, onde morreu e está enterrado. Sua esposa, Marie Rochegrosse (nascida Leblond), tinha morrido em 1920.
Extraído do Wikipédia

Dados sobre o Warburg

21547

6155

4677

© 1994-2020 CHAA – Centro de História da Arte e Arqueologia | CONTATO | SOBRE O SITE