Obras sem data

Flandrin, Hippolyte (Jean Hippolyte Flandrin)

1809-1864
Aluno de Ingres, seu trabalho está entre o neo-classicismo e o estilo acadêmico. Primeiro prémio de História de Roma e em 1832, mudou-se para a Villa Medici. Dedica-se primeiramente à pintura histórica, antes de inclinar-se à pintura religiosa, a qual, juntamente com Alphonse Le Henaff, foi um de seus renovadores.
Ele executa os murais da igreja Saint-Séverin, Saint-Germain-des-Prés e Saint-Vincent-de-Paul, em Paris.
Em 1853, foi eleito membro da Academia de Belas Artes. Em 1863, sua saúde em declínio levou-o a voltar para a Itália, onde morreu de varíola.
Seus dois irmãos Auguste Flandrin (1804-1842) e Jean Paul Flandrin (1811-1902) também foram pintores.

Dados sobre o Warburg

19520

5906

3850

© 1994-2019 CHAA – Centro de História da Arte e Arqueologia | CONTATO | SOBRE O SITE