Obras sem data

Tufiño, Rafael

Rafael Tufiño Figueroa (30 de outubro, 1922 - 13 de março de 2008) foi um pintor porto-riquenho, gravurista e figura cultural em Porto Rico, conhecido localmente como o "Pintor do Povo". O seu trabalho está entre as colecções do Museu de Arte Moderna, o Museu Metropolitano de Arte, a Biblioteca do Congresso dos EUA, a Galería Nacional em Porto Rico, e o Museu de Arte de Puerto Rico.
Rafael Tufiño Figueroa nasceu em 30 de outubro de 1922, no Brooklyn, Nova Iorque, onde vivia com seus pais, Gregoria Figueroa e Agustín Tufiño, até os dez anos. Em 1932, mudou-se para Puerta de Tierra, bairro localizado em San Juan, Porto Rico, para viver com sua avó. Na idade de 12 anos ele começou a trabalhar na oficina de Antonio "Tony" Maldonado, onde pintou sinais e letras.
Tufiño estava no Exército dos Estados Unidos de 1943 a 1946, Mais tarde, ele se mudou para o México para estudar pintura e gravura na Academia de San Carlos, onde foi exposto às idéias populistas da Oficina Gráfica Popular e dos muralistas mexicanos Diego Rivera e José Clemente Orozco. Ao voltar para Porto Rico, em 1949, entrou para a Oficina de Artes Gráficas da Divisão de Educação Comunitária (DIVEDCO, por sua sigla em espanhol), que tinha sido criado como parte de uma campanha do governo para ensinar o público sobre saúde.
Tufiño morreu em 13 de março de 2008, em Condado, Porto Rico, com a idade de 85 anos.
Extraído do wikipedia


Dados sobre o Warburg

21053

6155

4443

© 1994-2020 CHAA – Centro de História da Arte e Arqueologia | CONTATO | SOBRE O SITE