Obras sem data

Hals, Frans

Frans Hals (Antuérpia, 1580 ou 1585 — Haarlem, 10 de agosto de 1666) foi um pintor naturalista belga. Ficou famoso por retratar a sociedade anita dos Países Baixos segundo uma estética naturalista.
Depois de Antuérpia cair diante dos espanhóis na guerra dos oito anos, a sua família mudou-se para Haarlem, nos Países Baixos, onde viveu o restante de sua vida. Ele fez exames de pintura com o pintor Flemish Karel (1548-1606), que tinha também fugido dos espanhóis. A primeira obra de Hals é "Jacobus Zaffius", de 1611. Sua descoberta veio em 1616, com o retrato em tamanho natural de um grupo que estava no banquete dos oficiais da milícia da companhia de São Jorge. Os historiadores relatam que sua primeira esposa foi Anneke Hermansz (Annetje Harmensdochter Abeel), que morreu em 1616. Com duas filhas de Anneke, casou-se de novo com Lysbeth Reyniers em 1617 e tiveram oito filhos. Embora o trabalho de Hals fosse bastante procurado, durante toda sua vida teve grandes dificuldades financeiras. Além da pintura, trabalhou como negociante em um ateliê. Quando a nação neerlandesa lutou pela independência, Hals apareceu como militar. Era também um membro da câmara do Rhetoric e foi presidente em 1644 da Corporação dos Pintores em Haarlem. Frans Hals morreu em Haarlem em 1666. Foi enterrado na igreja de São Bavão da cidade.
Retirado da Wikipédia.

Dados sobre o Warburg

19852

6058

3881

© 1994-2020 CHAA – Centro de História da Arte e Arqueologia | CONTATO | SOBRE O SITE